[Resenha] Trago seu amor de volta sem pedir nada em troca – Ique Carvalho

Trago seu amor de volta sem pedir nada em troca Ique Carvalho

Ique Carvalho é mineiro de Belo Horizonte e vivia uma vida típica de um cara comum. Morava com os pais, tinha uma namorada e um trabalho numa agência de publicidade. Em paralelo, compartilhava suas impressões sobre a vida no blog The Love Code.

No ano de 2013, a pacata vida de Ique virou de ponta cabeça. Seu namoro terminou e seu pai recebeu o diagnóstico de uma doença degenerativa grave sem previsão de cura. Completamente devastado, Ique começou a se dedicar ainda mais ao seu blog, dando vazão as suas emoções através da escrita. Seus textos verdadeiramente emocionantes ganharam milhares de compartilhamentos nas redes sociais, emocionando a muitos leitores, inclusive a mim.

Trago seu amor de volta sem pedir nada em troca Ique Carvalho

Antes de começar essa leitura eu já sabia mais ou menos o que esperar, pois já conhecia a escrita do Ique graças a um texto dele que apareceu na minha timeline do Facebook. Comecei a ler o tal texto despretensiosamente e quando me dei conta, já estava nas últimas linhas com os olhos cheios de lágrimas. Ique Carvalho é assim, transparece sentimento a cada linha escrita. Antes mesmo que você possa se dar conta, estará plenamente envolvido com seus “causos”, o típico jeitinho mineiro de contar boas histórias.

Ique escreve basicamente sobre o amor, sob as suas mais diversas formas e é justamente isso que é tão bonito. Ele consegue enxergar o amor nos detalhes e quando lemos um texto dele, aprendemos que a vida vale mais a pena quando a gente a enxerga a rotina com olhos cheios de amor.

Trago seu amor de volta sem pedir nada em troca Ique Carvalho

A história do Ique com o pai dele é uma das coisas mais emocionantes que eu já li na minha vida, sem exagero algum. É uma coisa de balançar as estruturas, ficar arrepiado, emocionado e ao mesmo tempo sorrindo com boca e olhos. Sério gente, é incrível!

Mesmo que você não seja uma pessoa habituada a ler crônicas, recomendo muito que leia esse livro! O Ique é um cara diferenciado e suas histórias merecem ser conhecidas pelo mundo afora!

Trago seu amor de volta sem pedir nada em troca Ique Carvalho

Ficha técnica: Resenha

Título: Trago seu amor de volta sem pedir nada em troca

Autor: Ique Carvalho

Editora: Sextante

Páginas: 240

Nota: 5/5

Veja a página do livro no Skoob.

Leia um trecho do livro aqui.

Ficou interessado em ler o livro? Veja as opções de compra nos links abaixo:

Ao comprar no link comissionado Amazon, você ajuda na manutenção do blog

Amazon

Livraria Cultura

Anúncios

[Resenha] O que Alice Esqueceu – Liane Moriarty

Depois de levar um tombo na aula de step da academia e bater a cabeça, Alice acorda sem saber como chegou ali. Ela na academia? Aquilo não fazia sentido algum! Ela nem gostava de fazer exercícios!

Sua última lembrança era de estar vivendo um casamento feliz com Nick enquanto aguardavam a chegada do primeiro filho. Então Alice percebe que acordou em 2008 e não em 1998, como pensava. Era isso, 10 anos de sua vida foram simplesmente apagados de sua memória.

A medida em que Alice tenta recuperar suas lembranças, vai percebendo que ela havia se transformado em alguém completamente diferente do que ela era 10 anos antes. Será que essa perda de memória proporcionará a Alice um novo recomeço?

Apesar de perder a memória não ser um acontecimento banal, O que Alice Esqueceu é um livro com um tom mais leve da Liane Moriarty. Mesmo com o drama da situação, a narrativa tem vários diálogos divertidos e um clima gostoso de chick-lit. Mas o livro não se resume a uma história engraçadinha! Em meio aos momentos cômicos, Liane consegue levantar temas importantes, como eutanásia e as dificuldades da infertilidade.

Além da envolvente trama da protagonista, Liane nos presenteia com mais duas excelentes personagens (Elisabeth, a irmã de Alice e Frannie, a avó postiça) cujas histórias vão sendo aprofundadas a cada capítulo.

Passei o livro todo na expectativa e na torcida para que Alice não só recuperasse suas lembranças, mas para que também recuperasse a si mesma. Não tive como não me colocar na situação. Será que eu também seria capaz de mudar tanto em apenas 10 anos? Se no início eu tinha dúvidas, no decorrer da narrativa eu tive certeza que não só poderia mudar, como me transformar por completo. E é justamente isso que é tão perigoso, afinal, muitas vezes só nos damos conta de nossas próprias transformações quando já é tarde demais.

Mais uma vez terminei um livro da Liane admirando sua capacidade de contar histórias sobre o cotidiano de uma maneira completamente única e impressionante! Sou fã e não nego! Já quero o próximo!

Ps. “O que Alice Esqueceu” havia já sido lançado anteriormente no Brasil pela Editora Leya com o título “As Lembranças de Alice”. Agora a Intrínseca comprou os direitos de publicação e relançou o livro, com uma nova capa e um novo título, mas caso você tenha a edição anterior, fique tranquilo que a história é a mesma!

Ficha técnica: Resenha

Título: O que Alice Esqueceu

Autora: Liane Moriarty

Editora: Intrínseca

Páginas: 416p.

Nota: 5/5

Veja a página do livro no Skoob

Leia um trecho do livro aqui.

Ficou interessado em ler o livro? Veja as opções de compra nos links abaixo:

Ao comprar no link comissionado Amazon, você ajuda na manutenção do blog.

Amazon

Americanas

[Resenha] Justin – Gauthier

Justin Gauthier

Na aula de educação física no colégio, quando o professor pede para a turma se dividir entre 2 equipes, sendo uma de meninos e outra de meninas, Justine fica no meio. Apesar de ter nascido com corpo de menina, Justine sente que não pertence a esse gênero e acha que todo mundo também sabe disso, mas seus pais não conseguem compreender o que Justine sente.

Justin Gauthier

Ao longo de sua infância, adolescência e início da vida adulta, Justine sobre com bullying constante e questionamentos insistentes sobre seu comportamento e sua aparência.

Numa jornada permeada por percalços e muitas descobertas, Justine encontrará sua verdadeira identidade como Justin.

Justin Gauthier

Através de um traço simples aliado a um texto que conversa com o leitor, Gauthier consegue em poucas páginas apresentar uma história interessante sobre transexualidade e os preconceitos que cercam o tema.

Como a Graphic Novel tem apenas 104 páginas e poucos diálogos, não há um grande aprofundamento nessa história, mas mesmo resumido, o conteúdo consegue passar a importante mensagem do respeito e da aceitação.

Justin Gauthier

Quando Justine nasceu, na década de 80, pouco se sabia sobre transexualidade. Hoje, quase quarenta anos depois, existe a informação, mas o tema ainda é um tabu, porque muitos optam por fechar os olhos sobre as questões de gênero.

Não há idade para conhecer e entender “Justin”. Afinal de contas, é de pequeno que se aprende a não compactuar com o preconceito e nunca se é velho demais para aprender a respeitar as diferenças entre os seres humanos.

Justin Gauthier

Ficha técnica: Resenha

Título: Justin

Autora: Gauthier

Editora: Nemo

Páginas: 104p.

Nota: 4/5

Veja a página do livro no Skoob.

Leia um trecho do livro aqui.

Ficou interessado em ler Justin? Veja as opções de compra nos links abaixo:

Amazon

Submarino

Ao comprar no link comissionado Amazon, você ajuda na manutenção do blog!