Olhos de Cronista

Nesse final de semana eu estava lendo um livro de crônicas e reparei o quão apurado é o olhar dos cronistas. Filme novo em cartaz, vira crônica. Exposição de arte, vira crônica. Casal de namorados discutindo, vira crônica. Florzinha no canteiro, vira crônica. Enfim, vocês entenderam.

O cronista consegue enxergar além do ponto de observação comum. Se pra uma pessoa um casal conversando é apenas um casal como outro qualquer, pro cronista um casal conversando vira assunto pra uma crônica arrebatadora, daquele tipo que você termina de ler e pensa: uau! Como foi que eu nunca pensei nisso antes? Pingo vira letra, sabem como é?

Mas esse poder de ver as coisas com olhos mais apurados não precisa ser exclusividade dos cronistas. Por incrível que pareça, é mais fácil do que a gente pensa.

Sei que você faz todo dia um caminho para ir estudar ou trabalhar. Ou pra ir até a padaria, coisa simples. Me diz, você repara no que?

Você deve estar pensando… Lá vem a louca querer que eu fique procurando flores na calçada. Não, calma. Não precisa de tanto. Apesar de que, a ideia de encontrar flores na calçada me parece uma boa opção de começar o dia. Mas vamos voltar ao assunto…

Todo mundo tem rotina. Pra alguns, a rotina é algo maravilhoso, para outros, um tédio. Fato é que a rotina muitas vezes deixa a gente um pouco cego dos detalhes. Estamos tão acostumados com tudo ao nosso redor que só reparamos em algo se for uma tragédia. E ai, nós reparamos MESMO. Mas isso é assunto pra outra hora.

Um belo dia eu resolvi mudar e esse dia foi hoje. Acordei de bom humor e abri os olhos de um jeito diferente. Fui até a padaria, olhando para os lados de verdade, sem ser no modo automático para atravessar a rua. Vocês sabem bem do que eu estou falando.

Sabem qual o meu saldo? Vi um cachorrinho fofo caminhando de sapatinhos. Vi um bebê de colo sorrindo enquanto entrelaçava os dedinhos no cabelo da mamãe. Vi a vitrine da floricultura cheia de flores lindas. E até vi uma velha amiga do outro lado da rua, que também devia estar com olhar apurado, porque me viu do outro lado e atravessou para me dar um abraço. Coisas simples, pequenas, mas que me fizeram sorrir. Tudo isso numa simples ida até a padaria. Imagina se eu tivesse andado um pouco mais? Quantos sorrisos a mais eu teria no meu dia?

Talvez eu não tenha conseguido convencer você, mas faça valer o velho ditado. Se você só acredita vendo, então experimente realmente abrir os olhos. Fuja do modo automático.

Se pra você reparar nos detalhes e sorrir para as coisas lindas é coisa de maluco sonhador, eu não sei.  Sei que eu prefiro dizer que acordei com olhos de cronista. E te digo que com esses olhos, o mundo me parece muito mais bonito.

Como enviar livros pelos Correios pagando pouco?

Os Correios oferecem diversas modalidades para envio de encomendas. No caso dos livros, você pode enviar por SEDEX, PAC, Impresso Urgente ou Impresso Normal.

De acordo com o site dos Correios IMPRESSO é o: “Serviço para o envio de objetos classificados como impressos, tais como livros, com apelo para venda ou de cunho informativo.”

O serviço está disponível em todo território nacional, podendo ser usado por pessoas físicas ou jurídicas.

Além dos livros, você pode enviar como IMPRESSO: Catálogos, Fascículos, Guias, Jornais, Revistas…

O Impresso Urgente tem um preço um pouco mais elevado e o prazo de entrega é menor.

Vou falar mais sobre o Impresso NORMAL, que é a modalidade que eu utilizo com mais freqüência.

Como usar?

Alguns atendentes desconhecem essa modalidade de envio, então é preciso que você tenha em mente o que deve ser dito!

Você deve embalar o livro numa embalagem simples, quanto mais simples, menos peso. Eu utilizo folha de papel pardo. Ao chegar à agência, deve falar com o atendente que está enviando um livro e quer usar a modalidade IMPRESSO. Infelizmente não é possível enviar outras coisas junto, para isso você deve usar o PAC ou o SEDEX. Mas se você conseguir colocar um cartão, marcador ou coisas do tipo dentro do livro, não há problema.
O livro será pesado e o cálculo do envio será feito de acordo com a tabela abaixo:

impresso-normal

Para livros acima desse peso, consulte a tabela completa aqui.

Registro? Como funciona?

Existe a possibilidade de enviar sem registro, mas eu não recomendo. O Registro é a garantia que seu livro foi postado e você pode rastrear a encomenda pelo código de postagem. Acho bem mais seguro e o valor é pequeno.

Existem DUAS modalidades de registro. Nacional e o Módico. Dentre os objetos que citei no começo do post, apenas os livros podem ser enviados por registro MÓDICO, que é o mais econômico.

O Registro Nacional custa R$4,30 e o Registro Módico custa R$2,15. Parece pouco, mas é uma boa diferença caso você envie livros com freqüência.

Para ter uma noção do que vai gastar, faça um cálculo aproximado do peso do livro + R$2,15 do registro. Já enviei livros de 300/400 páginas e capa mole, paguei cerca de 6 reais pelo envio. Se fosse enviar por PAC ou SEDEX, custaria no mínimo 15 reais. Boa economia, não é?

Todas as informações oficiais eu retirei do site dos Correios. Para mais informações, acesse aqui.

Espero que o post ajude vocês a economizar bastante nos próximos envios de livros!

Pets – A Vida Secreta dos Bichos (2016)

Uma animação para quem ama animais

S

Sinopse: Max, um cachorro que mora em um apartamento em Manhattan e Duke, um vira-lata adotado por sua dona, precisam deixar as diferenças de lado para impedir o plano do coelho Snowball e seu exército de animais abandonados: se vingar de todos aqueles que tem dono.

Quando saiu o trailer de Pets fiquei super animada para assistir o filme! Sou apaixonada por animais, especialmente cachorros, e fiquei curiosa com a proposta do filme que foi mostrada no trailer.

Eu não tinha lido a sinopse, então pensei que o foco do filme seria mostrar o que se passa na cabeça dos bichinhos quando os donos saem de casa (pois é o que combina mais com o subtítulo do filme, a meu ver). Mas, na verdade, esse é apenas o começo da história.

pets-a-vida-secreta-dos-bichos-criança-brinca-com-cachorros

A maior parte do filme é focada no conflito de Max e Duke com o coelho Snowball e sua gangue de animais abandonados. Apesar de ter fugido a minha expectativa inicial, achei o filme fofo!

cena-do-filme-pets-a-vida-secreta-dos-bichos-1467925533962_956x500

A dublagem é de qualidade e as piadas são oportunas! Apesar do enredo simples, a história consegue prender a atenção do expectador.  Além disso, os bichinhos são extremamente carismáticos, destaque para a cadelinha Gigi que é uma fofura em forma de pelos!

Vale destacar também as cenas do Max com sua dona Katie, que são uma gracinha. Os roteiristas conseguiram demonstrar muito bem o sincero amor que o cãozinho sente pelo dono! Não vou entrar em detalhe sobre o desenrolar da história para não perder a graça da surpresa. Acho que Pets é um filme daqueles que você deve assistir o mais “cru” possível para aproveitar melhor a experiência.

Max-and-Katie-Secret-Life-of-Pets-e1467905739412

As crianças certamente vão se divertir, porque o filme é voltado para elas.Talvez eu tenha gostado bastante do filme por adorar animais, então, se você também gosta, acredito que vai curtir o filme também! Agora, se você não é o mais chegado a animais fofinhos, talvez o filme não te encante tanto.

1454083761-305365497

Aproveitem que o filme ainda está em cartaz nos cinemas e assistam!  Pra mim, Pets é um bom filme para passar o tempo e se divertir. Eu recomendo!

Ficha Técnica:

Direção – Chris Renaud e Yarrow Cheney

Produtora: Illumination Entertainment

Duração: 102 minutos